O Salmo 133 – Parte III

O Salmo 133

Seu significado e sua importância para a Ordem

– Parte III –

2
Ele nos diz:

1.   “OH! QUÃO BOM E SUAVE É QUE OS IRMÃOS VIVAM EM UNIÃO.

2.   É COMO O ÓLEO PRECIOSO SOBRE A CABEÇA, QUE DESCE SOBRE A BARBA, A BARBA DE ARÃO, E QUE DESCE À ORLA DOS SEUS VESTIDOS.

3.   É COMO ORVALHO DE HERMON QUE DESCE SOBRE O SIÃO; PORQUE ALI O SENHOR ORDENOU A BENÇÃO E A VIDA PARA SEMPRE”.

Finalmente pelo versículo 3:

“É como o orvalho do Hermon que desce sobre Sião; porque ali o Senhor ordenou a benção e a vida para sempre”.

Israel faz divisa pelo norte com o Líbano e a oeste com a Síria, e o monte Hermon assinala a divisa entre estes países. Com seus 2.184 metros de altitude, seus picos estão sempre cobertos de neve.

Como são regiões desérticas, a evaporação da umidade concentra-se nas montanhas e retorna durante a noite na forma de orvalho, suprindo a falta das chuvas e criando possibilidades para uma boa colheita, dando assim condições de fixação do homem na região. Por outro lado, o degelo da neve do monte Hermon é fonte alimentadora do Rio Jordão, que abastece toda a região, irrigando o solo e trazendo alimento para o povo. Na visão de Davi, o Hermon, através de seu orvalho, é sinal de vida.

O monte Sião, ao lado, com 800 metros de altura, justifica a expressão “desce sobre o Sião“. No Salmo 125, há uma bela referência a esse respeito:

“Os que confiam no Senhor são como o monte de Sião que não se abala, mas permanece para sempre. Como estão os montes à volta de Jerusalém, assim o Senhor está em volta de seu povo, desde agora e para sempre”.

Davi, ao conquistar a fortaleza de Sião, transportou para ali a Arca da Aliança e construiu para ele um Tabernáculo. Com isso, Sião tornou-se a “Cidade do Senhor“, local de sua morada e do seu repouso:

…este é meu repouso para sempre; aqui habitarei, pois o desejei“. (Salmo 132:13-14)

Com isso, meus irmãos, somos levados a concluir que o Salmo 133 merece mais que uma leitura em loja, e sim um lugar de destaque dentro de nós para que emane seus ensinamentos de “COMO É BOM E SUAVE QUE IRMÃOS VIVAM EM UNIÃO“.

————————————————————————————————————

(Valiosíssimo Trabalho do Ir.’. Luiz Carlos Pereira A.’.M.’. ,

da A.’.R.’.L.’.S.’. Monte Moriah Nº80, da Revista Entre Colunas)

————————————————————————————————————
Fraternalmente,
Grupo Fraternidade EMC.

Trabalhando por uma Humanidade mais feliz!

Esta entrada foi publicada em Pesquisas e Estudos e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta