Diferenças Físicas e de Consciência Humana

Caros leitores, 


Na reunião de hoje, quarta-feira dia 17/05/2017, compartilhamos uma essência para refletirmos em torno da vida e do SER, independente do que o indivíduo é, seja cor, raça ou credo, mas a importância da consciência humana, suas diferenças e suas expansões existenciais.

renovação e vida

Diferenças Físicas e de Consciência Humana

A Força do SER, e sua importância no planeta.

Ninguém pode roubar a importância de uma pessoa a não ser ela mesma, ao negar seu próprio valor.

“mesmo uma pessoa que tenha nascido com deficiências tem seu lugar único de importância na família e no ambiente, às vezes ocupa uma posição de importância maior do que se tivesse nascido completo e perfeito, suas conquistas despertam admiração e respeito. 

O impacto que você tem no ambiente depende totalmente de sua vontade de ser, de sua vontade de agir, de sua vontade de irradiar boa vontade, de sua vontade de aproveitar ao máximo suas oportunidades”, de sua vontade de ser especial para as pessoas ao fazer com que se sintam melhor do que antes de ter conhecido você.

Cada uma destas condições surge da vontade que se exerce a cada momento. Alguns nascem com uma vontade poderosa, outros com uma vontade menor, mas no momento em que uma pessoa percebe completamente que toda a força de vontade se extrai da consciência universal e de que se pode aumentar a força de vontade pedindo à fonte do ser pelo seu aumento, a pessoa começa aperceber que, afinal de contas, a força de vontade não tem absolutamente nenhum limite e pode ser extraído, segundo a magnitude e a força da fé de cada um, da própria consciência universal.

Todo indivíduo, de qualquer gênero, raça, nação, religião, nível de recursos e renda, do mendigo até o rei, é igualmente importante no momento do agora e no momento do final do dia”. As verdadeiras diferenças surgem somente do que cada um dá de si mesmo neste momento, no próximo momento e no resto do dia.

Um rei ou primeiro ministro podem ser recordados por sua bondade, pelos benefícios que tenham trazido para o seu país, ou pela miséria que impuseram ao seu povo, do mesmo modo, um homem nascido numa família pobre, que pode não ter desenvolvido suas habilidades até um alto nível, mas que deu tudo de si no serviço ao seu ambiente, no final será venerado por seus parentes e amigos – e na próxima vida colherá o que semeou, assim como o rei ou o primeiro ministro.

Tal “pessoa terá trazido vida ao seu ambiente”, porque a natureza da força vital é o amor e o serviço incondicionais, o trabalho e a harmonia, dando o que for necessário para a satisfação das necessidades do outro.

Se a cada dia sua força vital for empregada simplesmente para servir uma xícara de chá aos doentes, então deixe que esta força vital seja empregada em sua forma mais elevada: com a grande disposição de ir até o paciente com um sorriso acolhedor e entregar o chá com gentileza e boa vontade, desejando a sua cura, desta maneira, aquele que serve o chá pode transformar-se em um instrumento radiante de cura e elevação.

Quanto mais frequentemente o servidor do chá pedir silenciosamente pelo influxo da consciência divina até a sua própria consciência, maior e mais penetrante será a irradiação de sua força vital para o paciente, pode ser que o doente não esteja consciente do que está acontecendo, mas um quarto com pessoas doentes atendidas por tal servidor ou cuidador, recuperará a saúde mais rapidamente do que um quarto com pessoas que recebem o chá de alguém que o serve sem um olhar, sem uma palavra, sem um pensamento amável.

Não cada trabalho, cada momento, pode ser sagrado, belo, radiante com o influxo da força vital da consciência divina que vai elevando e curando a si mesmo e aos outros”, se a pessoa dedicar tempo suficiente para perceber que ele/ela é um canal da consciência divina e esta é inteiramente voltada: para toda cura, para toda proteção, para toda satisfação das necessidades e para todo bem estar ou para toda pessoa, proteção e no bem estar de qualquer componente de sua criação que estiver com necessidades urgentes”.

Fonte: Cartas de Cristo


* Responsabilidade escrita, revisão, edição – Discípulo Elias

* Digitação, revisão – Patricia Kelly Hasselmann

Fraternalmente,

Grupo Fraternidade EMC.

Trabalhando por uma Humanidade mais Feliz!

Esta entrada foi publicada em Cabala, Pesquisas e Estudos. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta