Carta escrita à Fraternidade EMC

Caros leitores,

A reunião foi iniciada as 19h55, pelo adepto Serafim, transcrevendo sua interpretação sobre o trecho da oração de abertura: “É importante que você se concentre no seu coração e permita que as energias de Amor…” e logo após foi efetuada a leitura da carta enviada à Fraternidade EMC (abaixo):

“Estimados irmãos,

Nós como buscadores de conhecimento devemos caminhar na busca da unidade, viver de acordo com os ensinamentos que processamos, isso porque precisamos escutar e ouvir, refletir e absorver os ensinamentos de forma que façam parte de nossa essência, de nossa filosofia de vida. Isso é transformar, é tornar-se o que viu, ouviu e sentiu. É transmutar. É trazer para nossos pensamentos e atitudes tudo aquilo que acreditamos ser. É praticar o que aprendemos. Precisamos sentir, voltar para dentro, no mais íntimo do nosso ser, é procurar descobrir quem realmente somos; tirar todas as nossas máscaras para assim trabalharmos com nosso ser real. É muito difícil olhar para nosso eu verdadeiro, assumindo todos os nossos defeitos, mas só assim conseguiremos trabalhar nossa real pessoa, e fica muito mais fácil conseguir esse intento quando olhamos para quem realmente somos.

Esse é o princípio básico, é o começo e o caminho para qualquer evolução, conhecer a si mesmo.

Não adianta adquirir inúmeras informações e ser catedrático em diversas áreas, se não conhecemos e não sabemos quem somos, do que somos capazes. Precisamos ter domínio sobre nós mesmos. Só assim conseguiremos conhecer os outros e conhecer a vida.

Uma forma de nos conhecermos é através da auto observação, ser vigilante em nossos pensamentos e atitudes, não dormentes, estar desperto para cada pensamento, cada ação cometida; observar o que pensamos, o que fazemos, porque fazemos, onde estamos e o que somos e porque somos?

Outra forma é a meditação. Através da meditação comungamos com Deus, com a essência divina que há em nós, microcosmo, com a essência do universo, que é uma só, o macrocosmo; aí, nessa condição seremos uno, o que há dentro há fora, o que há em cima, há embaixo. Buscamos assim a unidade com Deus.

Nesse estado transcendemos e acessamos a sabedoria do cosmo e evoluímos verdadeiramente.

Quando expandimos nossa consciência podemos compreender o outro, porque nosso mundo inteiro é tão vasto e perceptível para nós nesse estado, que entramos no mundo do outro e lá conseguiremos ver e enxergar suas limitações, suas verdades e assim analisamos os dois lados e compreendemos suas razões interagindo com o outro de forma eficaz.

Esse processo leva a uma vida harmoniosa com o próximo e com a natureza; esse estado leva a fluir e irradiar paz, luz e amor.

Só dá amor quem tem amor; ninguém consegue dar o que não tem. Sempre o ser que recebeu uma vibração de amor e luz, irá vibrar em seu ser luz e amor. Isso é uma lei. Por isso vamos vibrar em luz e amor.

Paz e luz a todos os irmãos!”.

Agradecemos imensamente pela carta enviada pela estimada irmã e salientamos que jamais faremos análise alguma referente aos candidatos que pretendem entrar no grupo, mas sim procuramos exemplificar pela qualidade espiritual que possui. Em tempo faremos a comunicação do seu entendimento.

Fraternal abraço à irmã!

Esta entrada foi publicada em Contatos e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta